sexta-feira, 20 de julho de 2007

Pelas águas do
"Blydepoort Dam"
Africa do Sul
Quando navegamos por uma albufeira como a de "Blydepoort Dam", rodeados por um parque natural lindíssimo, inevitavelmente somos resgatados para um silêncio absoluto, de vozes e de barulhos, para nos deixarmos levar pelos sons que nos rodeiam: o piar de pequenos passarinhos que nos sobrevoam sem medo, o chapinhar de uma águia pesqueira que acaba de agarrar a sua presa e se eleva elegantemente no ar, o crocodilo preguiçoso que se arrasta ali tão perto, para aproveitar os últimos raios de sol, o coaxar das rãs que saltitam às centenas pelas margens, ou o som daquela cascata pendurada na encosta. Somos arrebatados pelo sossego e pela calma que nos rodeia. O passeio de barco leva cerca de três horas, percorrendo todas as margens possíveis da albufeira, com o Blyde Canyon como companheiro de viagem. É lindíssimo.
A pluviosidade e a constituição dos solos, na zona do "Blyde Canyon", proporcionam a existência de cascatas espectaculares em toda a região. Existem aqui mais cascatas do que em toda a África do Sul, contudo, de entre todas as que podemos visitar na região, sem dúvida que a mais conhecida, pela sua raridade, é a que podemos ver no "Blydepoort Dam".
"The Weeping Face of Nature" A "Weeping Face" é a terceira maior queda de água de "tufa" do mundo, com 43m de altura, não existindo mais do que 10 em todo o planeta. O seu nome provém do facto de as formações calcárias consolidadas se assemelharem à cara de uma indígena, vista de perfil, parecendo que está a chorar. As quedas de água de "tufa" distinguem-se das quedas de água tradicionais, pois aqui a água não jorra abruptamente da parede rochosa, antes surgindo por detrás das formações calcárias depositadas. O processo dá-se quando as rochas dolomíticas, de constituição porosa, tornam-se permeáveis aos cursos de água, criando depósitos de cálcio no seu interior, o que potencia o crescimento de musgos. Com a fotossíntese a produção de dióxido de carbono precipita a formação calcária, depositando-a em camadas de tufo calcário na superfície da água, continuando esta a fluir por baixo desta formação rochosa. É um processo que leva milhares de anos e que é, de certa forma, idêntico à formação de estalactites. Fotogr: CRV

5 comentários:

Viagens pelo Mundo disse...

Hello Mr. Lee,
It's so nice to know about you. Actually I've been looking at your blog this afternoon and I'm amazed with your patient and beautiful work. It's my privilege having you here and I hope we can continue in touch. Thanks for coming.

Viagens pelo Mundo disse...

Hello,
Thanks for your nice comments. I also like to explore my own country, on little weekend escapes, but travelling around the world has become lately a fascinating addiction. The more we see the more we want to see. You’ re more than welcome to come back and leave your comments. Thanks for showing up. Bye

Viagens pelo Mundo disse...

Hi Bonca,

Thanks so much for your nice words. Our world is really magnificent and it's up to us to endeavour to preserve it. Thanks so much for join us on our trips around the world. Hope not to disappoint you with my posts...I'll do my best to correspond to your expectations.By the way, you can use the immediate Google translator, did you notice? You live on a very beautiful country! Hope we' ll keep in touch. It' s my pleasure having you here. Bye TI

Viagens pelo Mundo disse...

OH...and your daughter is BEAUTIFUL!

Olga disse...

TI, the lagoon and the reservoir, just because they look a bit similar from your pictures, reminded me about our trip to China - we had a 3 day boat trip down Yangtze river, and passed the 3 Gorges and the huge Three Gorges Dam. (In the original plan, it was expected to provide 10% of electricity consumption in China. However, China’s demand for electricity has increased at a higher rate than was planned, and if fully operational now, it would support about 3% of the total electricity consumption in China.)It is so beautiful when the mountains raise from the water. I'd love to travel through fjords in Scandinavia, I have only seen a small Oslo fjord - it is just beautiful!